Bolsonaro celebra acordo entre Israel e países árabes em churrasco

R7 PLANALTO

Thiago Nolasco, da Record TV, com Mariana Londres

04/10/2020 - 12h08 (Atualizado em 04/10/2020 - 19h16)




O presidente Jair Bolsonaro participou neste domingo (4) de um churrasco informal organizado pelo deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) na sua casa em Brasília para celebrar o acordo entre Israel e Emirados Árabes Unidos e Bahrein, intermediado pelo presidente norte-americano Donald Trump e anunciado pelos países em 13 de agosto, assinado em 15 de setembro. 


O acordo levou à normalização das relações diplomáticas entre Israel e Emirados Árabes Unidos e Bahrein e representa um grande avanço nas relações árabe-israelenses. Reduz as tensões, aumentando as chances do reestabelecimento da paz no Oriente Médio. Trata-se do terceiro acordo de paz árabe-israelense desde a declaração de independência de Israel em 1948. O Egito assinou um acordo com Israel em 1979 e a Jordânia, em 1994.


Para o churrasco em Brasília, foram convidados o ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, e os embaixadores dos Estados Unidos, Todd Chapaman, de Israel, Yossi Shelley, dos Emirados Árabes Unidos, Saleh Alsuwaidi, e do Bahrein no Brasil, Bader Al-Hulaiabi.


Além deles, estarão presentes o chefe da assessoria estratégica da Presidência, Almirante Rocha e assessor especial para assuntos internacionais, Filipe Martins. O filho 04 do presidente, Jair Renan, acompanhou o pai no encontro. 


O evento foi informal e, de acordo com o anfitrião foi para celebrar o acordo de paz que deve contagiar o restante do mundo. "Aqui no Brasil o clima entre árabes e judeus é o melhor possível".


Mais tarde, nas redes sociais, o embaixador americano também celebrou o encontro. Chapman classificou o acordo como o “maior passo dado para a paz no Oriente Médio em uma geração”.


147 visualizações

Receba nossas atualizações

  • Ícone do Facebook Branco
  • Ícone do Twitter Branco

© 2020 por J.Tiburcio. Orgulhosamente criado com blogdozenews.com.br