São Paulo anuncia data para a abertura de parques temáticos

Pleno.News - 16/09/2020 17h43 | atualizado em 16/09/2020 18h19


O governador do estado de São Paulo, João Doria (PSDB) anunciou que a abertura dos parques temáticos que funcionam ao ar livre está liberada a partir de 23 de setembro. Os parques deverão seguir protocolos de segurança e proteção contra a Covid-19, como o uso de máscara por todos, a medição de temperatura para acesso ao local e a venda antecipada de ingressos para controle do número de visitantes, que deverão ocupar até 40% da capacidade total.


De acordo com o governador, a fiscalização ficará a cargo das prefeituras. O anúncio foi feito durante entrevista à imprensa nesta quarta-feira (16), transmitida pela internet.


Segundo Jean Gorinchteyn, secretário de Saúde do estado, a ocupação nos leitos de UTI na Grande São Paulo está em 49,8%, pela primeira vez abaixo dos 50% após vários meses.

– Esse dado mostra que estamos com a pandemia sob controle no estado – afirmou.


São Paulo já soma mais de 780 mil recuperados da Covid-19 até o momento, de acordo com Gorinchteyn. Ao todo, o estado registrou mais de 909 mil casos da doença e 33.253 mortes causadas pelo novo coronavírus.


Durante a coletiva, Doria anunciou ainda ações para mitigar o impacto da quarentena na área da cultura. Com recursos da Lei Aldir Blanc, voltada para garantir renda emergencial aos trabalhadores do setor, o governo vai conceder o benefício emergencial de R$ 3.000 a 63 mil profissionais, totalizando cerca de R$ 183 milhões.


O cadastramento para os trabalhadores da área foi aberto nesta quarta (16). Podem receber o benefício pessoas que trabalharam em áreas artísticas nos 24 meses anteriores à data de publicação da lei, em 29 de junho deste ano. Outros R$ 75 milhões serão usados em 25 editais de chamadas públicas.


De acordo com Sérgio Sá Leitão, secretário da Cultura do estado, entre os meses de janeiro e março de 2021, o governo pretende disponibilizar 1 milhão de ingressos a preços populares para entrada em espaços culturais, como museus, cinemas, teatros e circos, com o objetivo de estimular o hábito do consumo de cultura fora de casa.


Na entrevista, o governador elogiou a decisão do presidente Jair Bolsonaro de efetivar o general Eduardo Pazuello no comando do Ministério da Saúde.


– Ele tem sido correto com a saúde em São Paulo e em outros estados; desejamos uma conduta técnica e republicana – afirmou.



*Folhapress

6 visualizações

Receba nossas atualizações

  • Ícone do Facebook Branco
  • Ícone do Twitter Branco

© 2020 por J.Tiburcio. Orgulhosamente criado com blogdozenews.com.br